Processos de Negócios

A TI da sua empresa monitora indicadores e processos de negócios?

A monitoração dos processos de negócios é fundamental para as tomadas de decisões de uma empresa. A partir do monitoramento de toda a infraestrutura de TI é possível fazer o diagnóstico dos problemas e determinar a sua real dimensão, visualizando as situações em que ocorrem e os impactos reais.

A gestão pode ser feita através do controle das informações de níveis de produção, capacidade energética, análise de impacto, entre outros indicadores. Portanto, é um ótimo investimento para quem deseja administrar seus recursos com maior eficiência. Além do correto dimensionamento dos recursos e da redução de custos, a monitoração dos processos de negócios impacta na qualidade dos serviços e/ou produtos oferecidos, influenciando na excelência dos seus resultados. Para tanto, deve ser visto como um processo contínuo e integrado na cultura organizacional. O resultado dos indicadores monitorados podem ser visualizados em dashboards com visões de indicadores de vendas, nota fiscal eletrônica, ERP, CRM, etc.

Entre os processos de negócios monitorados pelo OpMon estão:

  • Gerenciamento de níveis de produtividade dos funcionários;
  • Gerenciamento de níveis de produção fabril;
  • Gerenciamento do nível de combustível de geradores;
  • Gerenciamento de Call Center;
  • Capacidade energética;
  • Análise de impacto;
  • ERP (Enterprise Resource Planning);
  • Customer Experience Management (OpCEM);
  • SCM (Supply Chain Management);
  • CRM (Customer Relationship Management);
  • Service Desk;
  • Supply Chain Design;
  • E-commerce e E-procurement.

Descrição técnica:

SAP
  • Desenvolvimento de funções ABAP customizadas, que retornam quaisquer tabelas de valores críticas ao negócio:
  • Dialog Response TIme
  • GUI Callback time
  • Dialog Front End Net Time
  • Load Gen TIme
  • Monitoring Time
  • DB Request Time
  • Função ABAP Rstoque mínimo
  • Background Aborted Jobs
  • Backup Archiving Last Succeed
  • Buffers Table Definition Net Radio
  • Client 100 Response Time
  • Gatway Reader
  • Gatway Clients
  • OpSys CPUS
  • Oracle Tablespace PSAPSTABI
  • Roll MEM Heap Peak
  • Spool QUEUE Lenght
CCMS
  • Operating
  • System (CPU, I/O, Pages/Sec, etc.)
  • Background (Aborted Jobs, Number Of WpBTC, etc.)
  • Dialog times (DBReqTime, FrontEndRespTime, LoadGenTime, QueueTime, etc.)
  • Spool (% de utilização, jobs, etc.)
  • Oracle (Buffers, Segments, Tablespaces, Messages, Profile Parameters, etc.)
  • Buffers (TableDenifition-DirUsed, TableDefinition-HitRatio, etc.)
  • Gateway Reader (GatewayClients, GatewayConnections, etc.)
  • Backup (LastBrArchiveRun, LastBackupRun, etc.)
  • SM-50 (tempos de resposta), PerfU1 e PerfU2 (tempos de resposta)
  • Roll-Mem-Mgmt (dados gerenciamento de memória)
  • Qualquer item da CCMS
  • sem a necessidade de instalação de client específico.
Monitoração da experiência do usuário (CEM)
  • Criação do Robô Metaframe
  • Criação do Robô Web
  • Checagem interna e externa, balanceada em três operadoras
  • Usando ou não Proxy do cliente
ERP Datasul
  • Servidores e execuções RPW
  • Trans Log e Agents Busy
  • Simulações dos itens do Datasul Web Access
  • Entre outros itens customizáveis do banco de dados ou de processos de negócio
BAAN
  • Desenvolvimento de agentes customizado
SPB – Sistema de Pagamentos Brasileiro (MQSeries)
  • Monitoração das filas entre servidores
  • Monitoração das dead queues