Menu

Motivos que levaram a Klabin a buscar a OpServices:

Motivos que levaram a Klabin a nos procurar:

Notificação e
Análise de impacto;

Visão centralizada dos
indicadores de infraestrutura;

Know-how em projetos com
infraestruturas complexas.

Implementação do projeto

  • Software OpMon
  • Monitoramento de Aplicações

Implementação do projeto

  • Software OpMon
  • Monitoramento de Aplicações

Monitoração do Ambiente

A Klabin tinha necessidade de contar com um console gráfico para administrar a ferramenta, receber alertas de incidentes e notificações automáticas. Outros requisitos que também foram importantes para a empresa foram o gerenciamento de disponibilidade, a análise de impacto, a disponibilidade do ambiente em tempo real, visão centralizada dos Indicadores de Infraestrutura, o gerenciamento de capacidade (Capacity Planning) e suporte local e em português.

Foram um total de mais de 700 dispositivos inseridos para monitoração, um dos diferenciais desse projeto foi o monitoramento da infraestrutura de antenas de rádio (Lithus), que são responsáveis pela comunicação e transferência de dados entre as unidades da empresa. Com isso, as equipes da Klabin passaram a atuar com maior agilidade na resolução dos problemas e assim garantir maior resiliência a problemas na comunicação das áreas florestais.

Benefícios e resultados alcançados

Benefícios e resultados

Um dos grandes destaques do projeto foi a maior facilidade para incluir um hosts/serviços no monitoramento em relação à ferramenta anterior, a eliminação dos falsos positivos, a notificação de alarmes por e-mail de forma automatizada, a identificação dos maiores geradores de incidentes do ambiente e o agendamento e envio automático de relatórios gerenciais por e-mail. Todo esse resultado é visualizado em dashboards que monitoram serviços de TI e infraestrutura.

Outros dois benefícios importantes foram a possibilidade de realizar o planejamento de capacidade com previsão futura de esgotamento de recursos e o monitoramento da experiência do usuário, com o desenvolvimento de robôs para simular o acesso aos sistemas da Klabin por usuários reais. Atualmente são 1.710 dispositivos monitorados e a empresa está em vias de ter um novo OpMon para monitorar a fábrica do Paraná, que incluiria mais 1.200 hosts, entre eles elementos de IOT.