O que é mais importante para conseguir emprego na área de TI?

Por: opservices em 28.05.2015

O que é mais importante para conseguir emprego: certificações de TI, experiência de mercado ou um diploma universitário?

Apesar do desaquecimento da economia brasileira, o mercado para os profissionais de TI continua em expansão. O desenvolvimento de novas tecnologias e a modernização das empresas abrem um leque de opções para a atuação desse tipo de profissional. Muitos jovens que ingressam na área se deparam com exigências do mercado, como a certificação em TI, experiências anteriores de trabalho ou diploma universitário. Esses são requisitos distintos que o profissional pode adquirir, mas que, muitas vezes, geram dúvidas, afinal, qual deles é melhor para conseguir emprego?

 

No post de hoje você vai conhecer algumas características de cada um desses termos e saber qual deles é melhor para você. Continue lendo e confira:

 

Diploma universitário

Por mais que muitos não gostem nem um pouco de pensar em provas, trabalhos e estágios, estudar é um benefício que engrandece o intelectual e oferece experiências únicas para os estudantes. O diploma é a comprovação de conhecimento sobre determinada área e pode significar a abertura da primeira porta rumo ao tão sonhado sucesso na carreira. A maioria dos cargos de chefia nas mais conceituadas empresas exigem curso superior pois é ele que fornece o conhecimento que é base de qualquer mercado. Além disso, a universidade concentra oportunidades de estágio, que ajudam no amadurecimento profissional dos estudantes, ensinando as reais demandas da carreira e colocando o estudante em contato com a prática.

Entretanto, como a disputa por um bom emprego é cada vez maior, o diploma passou a ser um requisito quase que básico e não mais um diferencial e, por isso, é preciso ir além da faculdade. Muitos profissionais sentem que a faculdade não foi o suficiente para atuar na área e procuram a pós-graduação e outros cursos de especialização. Isso comprova que é preciso se atualizar constantemente e não deixar de acompanhar as tendências.

Entre os benefícios de fazer uma faculdade em um curso de tecnologia da informação está o networking com colegas e professores que tem potencial para gerar empregos através de indicações ou via empreendedorismo.

 

Certificações

Para acompanhar as inovações que surgem na área de TI a cada dia é preciso se especializar, porém, é muito difícil ser um especialista em tudo, concorda? Diante disso, o profissional que opta por certificação tem que escolher um nicho de atuação mais específico. Ter uma boa especialização faz abrir portas nas empresas que atuam na mesma área, mas dificulta o ingresso em companhias que trabalham com outros tipos de tecnologia.

Apesar de ser mais restritiva, a certificação tem um peso diferente diante dos jobseekers, pois elas demonstram o comprometimento do candidato com o aprendizado. Em outras palavras, o certificado comprova que o profissional se interessa por aquele assunto e tem boas chances de desenvolver um bom trabalho. A certificação, sem dúvidas, não substitui uma graduação, através da qual o estudante obtém um conhecimento generalizado sobre seu campo profissional, porém, ter uma cerificação pode ser um bom caminho para dar os primeiros passos no mercado com mais segurança e determinação.

Para saber mais sobre as principais certificações exigidas no mercado de trabalho confira nosso artigo sobre o assunto.

 

Experiência de mercado

O jovem ingressante no mercado ainda passa pelo mesmo dilema: a maioria das vagas de emprego exige experiência comprovada. A dificuldade em encontrar o primeiro emprego é uma dura realidade na vida de todos os recém-formados, não só na área de TI. Diante disso, procurar um estágio e continuar estudando são duas atitudes importantes para quem ainda está saindo da faculdade. A experiência do trabalho é o momento em que são colocadas em prática todas as habilidades adquiridas pelo profissional, inclusive aquelas que não se aprende em sala de aula. O trabalho é um jeito de aprimorar as técnicas e a prática dos serviços de TI.

No momento de escolher um caminho para seguir no mercado de TI é sempre bom lembrar que conhecimento é a palavra-chave para prosperar. Aprender cada vez mais é a receita tanto para quem quer se firmar no mercado como para quem procura crescer profissionalmente. Lembre-se de que quem trilha o caminho da educação também tem grandes chances de entrar no mercado de trabalho com mais suporte para atingir as expectativas dos empregadores!

Sobre a pergunta do título desse post, portanto, a dica é tentar unir todas essas três possibilidades para se tornar com profissional completo. Se não for possível, analise qual das escolhas atende mais as suas expectativas de acordo com os seus objetivos profissionais e boa sorte!

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Instagram

JUNTE-SE À NOSSA LISTA E RECEBA
OS NOSSOS CONTEÚDOS.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos