Gestão de sistemas de ERP

Utilizar ERPs (como o SAP ou TOTVS, por exemplo) na gestão da empresa é uma excelente alternativa para elevar a eficiência, otimizar o uso do tempo e dos recursos, aumentar o controle sobre o andamento das atividades, facilitar a organização e visualização dos processos e também ganhar vantagens competitivas ou pelo menos se aproximar dos concorrentes em termos de produtividade. A automatização de processos via software torna-se indispensável para evitar erros em processos críticos, como faturamento, contas a pagar, gestão de fornecedores e de recursos, entre diversas outras áreas em que as plataformas de enterprise resource planning podem atuar.

 

 
Para garantir máxima performance destes sistemas, mesmo após uma implantação bem sucedida, é necessário, e até indispensável, contar com uma plataforma de monitoramento de ERP, que permite verificar a estabilidade, desempenho e performance do sistema. Além destes indicadores de desempenho ligados a área de TI, é necessário realizar o monitoramento da experiêcia dos usuários do sistema. Este monitoramento também poderia ser automatizado através da construção de robôs de aplicação, por exemplo. Veja a seguir a importância de apostar neste tipo de plataforma para operar em conjunto com seu ERP e descubra os benefícios que esta medida pode trazer para seus administradores e para as empresas que o utilizam.

 

Otimização do rendimento

Ter um sistema unificado e com visão detalhada do desempenho de seu ERP, seja ele o SAP, o TOTVS ou qualquer outro, ajuda a otimizar o rendimento das operações na infraestrutura de TI. Isso porque, com a visualização dos processos, os gestores conseguem fazer uma análise das informações disponíveis e detectar a raiz de possíveis problemas. Assim, podem tomar decisões embasadas e conseguem potencializar resultados.

 

Dashboard de ERP - Sistema SAP

 
Em ambientes complexos, sSeu monitoramento pode ser um grande desafio e, para manter uma estrutura com um alto nível de disponibilidade, é necessária uma monitoração em tempo real, utilizando métricas de controle alinhadas ao negócio da empresa. A partir destes dados é possível responder perguntas essenciais para a gestão da performance de ERP: (1) como está o desempenho do serviço do SAP ou TOTVS? (2) Como extrair indicadores de negócios do ERP, CRM, gestão de ciclo de vida do produto ou gestão da cadeia de suprimentos? (3) E qual a causa raiz dos problemas que estão deixando a plataforma mais lenta ou instável?

 

Boa visão de indicadores de ambientes complexos

Uma plataforma de Gestão de ERP também ajuda a fazer a verificação de desempenho de KPIs em processo automatizado. Assim, ela elimina a necessidade de testes manuais e mais demorados, ou de acessar diversos locais do software para analisar o desempenho. Com a plataforma, o gestor passa a ter acesso a tudo isso de forma automática e pode, inclusive, fazer o monitoramento de acordo com os acordos de níveis de entrega exigidos pela área de qualidade. Esta boa visão de indicadores permite às empresas manterem em ordem o fluxo de trabalho que envolve o sistema e serem rápidas para resolverem problemas no decorrer desses processos.

 

Benefícios Chaves

1. Prevenção de downtimes (indisponibilidades) e garantia acordos de níveis de serviço (SLA) através do monitoramento constante em tempo real;
2. Melhoraria contínua do desempenho do ERP, bem como do seu tempo de resposta;
3. Identificaçao rápida dos problemas envolvendo processos de ERP, sem a necessidade de alocação de um profissional de aplicação para este fim.

 

Diferenciais competitivos na criação de soluções e maior agilidade

Monitorar o ERP permite que se mantenha a estrutura de TI sempre com alto grau de disponibilidade, evitando instabilidades e prevenindo possíveis panes. Isso confere diferenciais competitivos à empresa e também, com medidas preventivas, permite que ela crie soluções antecipadas e de forma mais ágil, tendo como se precaver quando necessário. Com customização na plataforma de monitoramento, é possível explorar uma vasta biblioteca de KPIs pré-configurados para ERP, construir visões de desempenho através de dashboards (painéis visuais interativos) e coletar dados em tempo real com a possibilidade de histórico de desempenho para análise se o sistema tem degradação de performance em períodos e horários específicos. Veja um exemplo abaixo:

 

Dashboard indicadores SAP

 
O gestor também pode fazer também um processo de drill-down, quando a empresa consegue pesquisar uma informação até chegar à sua origem e, assim, descobrir onde está a causa de determinada situação problemática. A descoberta da causa-raiz do problema automatizada se traduz em uma grande economia com alocação de profissionais específicos. Essa economia é uma redução de custos importante que nenhuma empresa deveria negligenciar.

 

Auxílio para identificação de “gargalos” na performance do ERP

Os gargalos dizem respeito ao pontos do processo que podem estar causando problemas na performance do sistema de gestão, e uma plataforma de monitoramento de ERP ajuda os gestores a identificarem-nos. Muitas vezes, esses pontos podem ser pequenos desajustes que passam despercebidos dos gestores, mas que, se forem resolvidos, trarão resultados muito maiores para a companhia.

 
BAIXE AGORA O WHITEPAPER COM EXPLICAÇÃO EM DETALHES DO MONITORAMENTO SAP

 
E então, você já sabia tudo o que uma plataforma de monitoramento de ERP pode fazer pelo desempenho de seu sistema de gestão e por que é importante adotá-la? Aproveite para ler mais sobre a importância de monitorar os negócios em nosso post sobre o assunto!