Gerenciando equipes de TI eficazes

O gerenciamento de equipes de TI é um desafio para qualquer empresa. Em muitos dos casos, o gestor precisa combinar habilidades técnicas e pessoais para que possa coordenar de maneira eficaz as suas equipes. Além disso, é necessário ainda a elaboração de abordagens estratégicas para o sucesso. O que acontece é que, na prática, não há um modelo de gerenciamento ideal — já que diferentes equipes, empresas e mercados necessitam de estratégias de gerenciamento específicas.

 
equipes de TI

 
No caso das empresas de TI, o gestor precisa lidar com profissionais altamente qualificados, que precisam ser agrupados de acordo com as suas especializações. Por causa disso, o gerenciamento de equipes nessa área é mais complexo: exige o máximo de qualificação técnica, além da capacidade por parte do gestor de lidar simultaneamente com conflitos e demandas. Geralmente os gestores de TI dominam uma dessas duas habilidades. O que ocorre na prática é que ou o técnico faz carreira na empresa até chegar ao cargo de gerência ou algum profissional da área de negócios é posicionado para exercer esta função. Quer saber mais algumas dicas para o gerenciamento eficaz de equipes de TI? Pois confira agora mesmo o nosso post e descubra!

 

Abordagem de gestão

Para gerir uma equipe de TI, o gestor precisa ter em mente basicamente dois tipos de abordagem. A primeira delas é a abordagem estratégica, na qual o gestor precisa pensar no grupo e na empresa de uma forma mais ampla. Isso quer dizer que, a partir dessa abordagem, será desenvolvida uma visão de longo prazo para a equipe, com metas, objetivos e condutas esperadas. Já a segunda é a abordagem tática, que envolve uma visão mais cotidiana da equipe de TI, em que o feedback ocorre de maneira mais informal no dia a dia da empresa.

 
equipes de TI

 
Essas duas abordagens, no entanto, são complementares: o gestor deve, ao mesmo tempo, definir quais são os caminhos que sua equipe precisa percorrer a longo prazo — fazendo um planejamento a partir da abordagem estratégica —, e, no dia a dia, pode fornecer feedbacks sempre que julgar necessário — fazendo um monitoramento a partir da abordagem tática.

Além de definir qual será a abordagem ou as abordagens, é necessário comunicá-la de forma adequada. Desta forma, além de garantir o entendimento de toda a equipe, os profissionais liderados terão a confiança de que existe um caminho sendo percorrido com checkpoints de validação ou de reavalidação do processo. Incluir pontos de co-participação da equipe ou de alguns membros chaves também é importante para motivar a equipe.

 

Processos sólidos ou metodologias ágeis?

As metodologias ágeis ternaram-se tendência para a maioria das empresas, principalmente as de desenvolvimento de software, que precisam de uma resposta mais rápida referente a feedbacks e validação de processos para evitar projetos que não atenderiam as expectativas tanto de clientes como da própria empresa desenvolvedora.

Porém… nem tudo são flores. O processo de “startupzação” das empresas não é uma realidade para a maioria das organizações com estruturas muito grandes e altamente complexas. A tendência é misturar práticas já consolidadas de organização de equipes com novas formas de melhorar a eficiência de equipes, como as metodologias ágeis: SCRUM ou a XP, por exemplo.

 

Pontos importantes na gestão de equipes de TI

Existem três pontos que todo gestor precisa ter em mente durante o gerenciamento de suas equipes. O primeiro delas é simples: ele precisa se mostrar disponível. É fundamental que a equipe saiba que pode contar com o gestor para esclarecer quaisquer dúvidas. O segundo ponto é criar uma metodologia. Após elaborar seu planejamento, o gestor deve deixar claro para cada um de sua equipe quais pontos serão avaliados, o que se espera de seu trabalho e como será feita a avaliação dos resultados. Finalmente, o terceiro ponto é que todo gestor precisa mostrar comprometimento. Assim, é fundamental que ele realize reuniões para receber feedbacks da equipe e coloque a mão na massa quando for necessário.

 

 

Ferramentas de gerenciamento

Por fim, um ponto muito importante em qualquer empresa de TI é a otimização do trabalho através de ferramentas que auxiliam o aumento da produtividade, organizam processos e aumentam a sinergia entre as diferentes áreas da empresa. Em nosso experiência desenvolvendo soluções para governança de TI e monitoramento de infraestruturas complexas, percebemos que a definição de indicadores para acompanhamento de resultados é um fator importantíssimo para qualquer equipe de TI.

Com o OpMon Dashboards, os nossos clientes podem compartilhar painéis visuais entre sua equipe e até com outras áreas para aumento da transparência de processos críticos ao negócio. Porém, antes desta visualização é preciso planejar quais são as métricas que contribuirão para o aumento da eficiência da TI, da comunicação com sua equipe. Tudo vindo a partir da abordagem estratégica citada anteriormente.