Menu
Contato Comercial

Dashboards customizados

Por: Aldry Rocha em 12.03.2021
Dashboards customizados

Sabemos que um dos bens mais importantes dentro de uma organização são seus dados. Mas para que estes se tornem informações relevantes precisam estar organizados dentro de uma lógica que faça sentido e que tenha relevância para a tomada de decisão empresarial.

Uma forma de organizar os dados mais relevantes para a estratégia de negócio e torná-los visíveis a todos é por meio de dashboards. Neles são exibidas informações, métricas e indicadores relevantes para a operação ou para a área de negócios. Essas informações são atualizadas dinamicamente, fator de grande importância por eliminar o trabalho manual e a atualização de planilhas.

Entretanto, com o aumento da complexidade dos negócios, faz-se necessário customizar visualizações para que atinjam objetivos específicos. Neste sentido, o uso de dashboards customizados possibilita maior personalização e efetividade para a tomada de decisões.

Quer saber mais sobre a personalização de Dashboards e o que eles podem agregar para a sua empresa? Então acompanhe nosso artigo!

 

O que são dashboards customizados?

A principal função de um dashboard é centralizar informações relevantes em um painel visual, representando de forma gráfica, indicadores e métricas de TI, operação ou negócio. A coleta destes dados pode ser realizada em um período a ser definido, podendo ser real-time, de hora em hora, diário ou semanal.

Os dashboards podem exibir a saúde da organização em uma única tela. Cada dashboard, pode ser analisado pelos responsáveis (gestores) ou compartilhado com toda a equipe, aplicando o conceito de gestão à vista. Com isso, se tem uma visão abrangente e clara sobre o andamento do negócio ou da operação, possibilitando o planejamento e a implementação de novas ações, além da correção de falhas no processo.

Por meio das tendências e padrões dos gráficos é possível prever o que está por vir e agir de maneira preventiva. Existem diversos tipos de dashboards, de acordo com o público para o qual este será exibido dentro da empresa, desde os mais técnicos até os mais focados em gestão. Veja um exemplo:

 
Dashboard - Processamento de Pedidos

 
Para isso, é bem comum que os dashboards sejam exibidos em telas de LCD grandes, a fim de que todos os profissionais daquele setor possam acompanhar os indicadores da sua área. Este modelo é denominado gestão à vista. Além disso, também podem ser exibidos em: telas do computador, tablets, celulares, através de links compartilhados na web ou até mesmo em totens públicos.

Existem três tipos de dashboards: estratégico, tático e operacional. Quer saber mais sobre estes três tipos? Leia nosso artigo sobre o assunto aqui!

 

Benefícios do uso de Dashboards customizados

Confira quais são as principais vantagens de fazer uso de dashboards customizados dentro da sua empresa.

    • Capturar a atenção do usuário: É inegável que somos atraídos por cores e padrões visuais. A visualização de dados possibilita captar a atenção do seu usuário e manter o foco no que está sendo transmitido, gerando nas pessoas uma reação mais forte do que se fosse expresso em palavras ou planilhas

 

    • Acompanhamento de indicadores e métricas: Com os dados corporativos organizados, é possível realizar a definição de indicadores e métricas para serem acompanhados periodicamente. Desta forma, torna-se mais fácil e ágil a identificação de gargalos, falhas ou tendências (positivas ou negativas) para atuar de forma preventiva, aumentando o desempenho e produtividade da área.

 

    • Maior entendimento dos processos: Com um panorama mais integrado dos processos, a empresa ganha um novo modo de realizar rotinas diárias, nos projetos e nas medidas corretivas, caso necessário. Através das visões objetivas, você obtém uma compreensão mais apurada do que precisa ser melhorado e revisado.

 

    • Integração de sistemas: Caso a ferramenta de dashboards permita coletar dados dos mais variados sistemas, é possível integrar dados espalhados em uma visão única. Normalmente é preciso investir nesse tipo de customização.

Quer conhecer mais benefícios da utilização de dashboards para visualização de dados? Então confere esse artigo nosso aqui e esse outro aqui.

 

Quais fontes de dados podem ser consultadas?

É importante ter em mente que qualquer tipo de dado que possa vir a ser coletado, que tenha API aberta ou que se comunique pela rede de alguma forma, pode ser visualizado em um dashboard customizado.

Entre exemplos de fontes de dados que podem ser coletadas podemos citar: banco de dados, arquivos .csv, planilhas, sistemas ERP e CRM, redes sociais, google analytics, sistemas financeiros, protocolos de rede e IOT, arquivos json, datagov, sensores de temperatura, entre muitos outros. Enfim, as possibilidades são quase infinitas.

A atualização desses dados pode variar de acordo com a necessidade: a cada minuto, de hora em hora ou diariamente. Em casos mais específicos pode ser necessário fazer uso do streaming de dados, também conhecido como real-time. Conforme o volume de dados coletados, as dimensões utilizadas e a taxa de atualização aumentam, é necessário investir em hardwares mais poderosos.

 

Como criar e customizar um dashboard para sua empresa?

Antes de iniciar a utilização de qualquer tipo de ferramenta, é importante planejar o que será visualizado, como será apresentado e quais fontes de dados serão consultadas. A partir daí, partimos para o design e implementação da ferramenta.

Este tipo de projeto pode ser realizado tanto internamente, alocando um profissional com domínio no assunto para realizar a atividade ou contratando uma empresa especializada em projetos de visualização de dados. Normalmente este tipo de contratação é feita por hora/homem e a empresa só paga pelas horas gastas no projeto.

 
Implementação de Projetos de BI - Business Intelligence

 

Etapas de um projeto de dashboards customizados

O processo de implantação de dashboards dentro de uma empresa deve contar com as respostas sobre algumas perguntas imprescindíveis para o sucesso da implementação. São elas:

  • Quais são as necessidades do negócio?
  • Quais serão as áreas que irão consumir esses dados?
  • Quais são todas as fontes de dados de onde eles deverão ser coletados?
  • Qual a periodicidade para a atualização dos dados?
  • Como serão visualizados?
  • Qual a quantidade de dashboards necessários?
  • Quais são os KPIs importantes para o negócio e seus devidos setores?
  • Quais são os acessos e responsáveis por eles?
  • Como será o design dos dashboards?

 
Dashboards Customizados - Projeto de Visualização de Dados

 
Após o levantamento de informações, é iniciada a fase de implementação do projeto e, por fim, a validação de seus resultados. É importante frisar que um projeto de visualização de dados deve contemplar uma manutenção periódica, uma vez que os sistemas sempre estão sendo trocados e a informação contida no dashboard customizado pode ficar desatualizada.

Aqui na OpServices temos quase 20 anos de experiência entregando projetos de monitoração e visualização de dados para grandes empresas. Entre em contato com nossos especialistas e entenda como podemos viabilizar o seu projeto em menos de 30 dias!

Compartilhe:

Posts Relacionados

ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA
NOSSOS MELHORES CONTEÚDOS!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos