Afinal, o que é Kubernetes? Saiba mais sobre essa tecnologia!

Por: Equipe OpServices em 17.05.2019
O que é Kubernetes

As tecnologias de internet seguem evoluindo e novos métodos são criados todos os anos para o aperfeiçoamento das infraestruturas digitais e dos serviços que elas permitem oferecer. O Kubernetes representa uma dessas soluções.

Ainda não sabe o que é Kubernetes? Você não está sozinho!

No post de hoje, esclareceremos tudo sobre essa tecnologia. Então, se você trabalha no segmento de TI, pegue a sua xícara de café, acomode-se na cadeira e aproveite a leitura para se atualizar!

 

O que são containers e o que eles têm a ver com o Kubernetes?

Antes de entender a tecnologia de Kubernetes, você deve conhecer o método de containers. Um container é uma unidade padrão de software que empacota o código e todas as suas dependências para que ele seja executado de maneira rápida e confiável em um ambiente de computação isolado.

Ou seja, ele usa o particionamento de servidores para isolar aplicações e bancos de dados, sendo executado por meio do acesso a um kernel do sistema operacional compartilhado. Essa estrutura pode ser montada na nuvem, dispensando o uso de Máquinas Virtuais (VMs — Virtual Machines).

Um container de aplicações é formado pelo software Docker, que possibilita a abstração do código do aplicativo da infraestrutura subjacente, simplificando o gerenciamento de versões e permitindo a portabilidade em vários ambientes de implementação.

Os containers compartilham o kernel do sistema operacional da máquina e, portanto, não exigem um sistema operacional por aplicação, o que aumenta a eficiência do servidor e reduz os custos com licenciamento. Além disso, os sistemas ficam mais seguros, uma vez que o Docker fornece os recursos de isolamento mais fortes do mercado.

 

Qual é a diferença de containers para Máquinas Virtuais?

A tecnologia de containers oferece um método alternativo à tradicional virtualização de máquinas, no qual um único sistema operacional em um host pode executar diferentes aplicativos a partir da nuvem. Comparando os dois métodos, as Máquinas Virtuais executam vários sistemas operacionais em um nó de computação, enquanto a tecnologia de container oferece a oportunidade de virtualizar o próprio sistema operacional.

 

Monitoramento de Infraestrutura de TI

Monitore indicadores de qualquer tipo de dispositivo com o OpMon

Conheça o OpMon

 

Quais são os desafios para a gestão dessa tecnologia?

Se a sua empresa oferece soluções digitais, ela deve ter uma equipe de TI de prontidão em tempo integral para garantir o máximo de disponibilidade possível. Afinal, uma queda no sistema por algumas horas representaria perdas significativas de receitas.

Uma forma encontrada para reduzir os riscos e os custos foi a utilização da cloud computing em substituição aos métodos de virtualização de servidores. Porém, novos desafios surgiram, como a necessidade de ferramentas para a integração, monitoramento e controle dos recursos. E, assim, surgiu o Kubernetes.

 

Mas afinal, o que é Kubernetes?

O Kubernetes é uma plataforma de código aberto (open source) que agrega automação aos processos de containerização. Dessa forma, é possível eliminar a maior parte das operações consideradas manuais na hora de montar a infraestrutura online, bem como escalonar as aplicações em seus containers.

Resumindo, se você quiser agrupar os hosts, implementados nos containers, em clusters, o Kubernetes entregará ferramentas para um gerenciamento mais simples, facilitando a orquestração deles. Mesmo que os clusters estejam hospedados em diferentes tipos de cloud (públicas, privadas e híbridas), o Kubernetes ajuda na hospedagem de aplicações nativas em nuvem.

O controle de processos complexos em ambientes de computação na nuvem pode ser desafiador. Por isso, convidamos você a conhecer a OpServices, empresa especializada em fornecer sistemas e serviços de gerenciamento de TI.

Além de poupar dinheiro com a formação de grandes equipes de especialistas para executar a função, essa parceria permite que os seus profissionais atuem em áreas mais ligadas às atividades-fim, o que aumenta a produtividade e a geração de receitas para o negócio.

 
Monitoramento de infraestrutura em Cloud

 
Então, agora que você já sabe o que é Kubernetes, clique no banner acima para entender como monitorar toda a sua infraestrutura com a plataforma de líder no Brasil em gestão de TI.

Pronto para começar? Entre em contato com a OpServices agora mesmo e descubra como podemos ajudar!

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn

JUNTE-SE À NOSSA LISTA E RECEBA
OS NOSSOS CONTEÚDOS.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos